top of page

Frustrações


Agora, antes de começar a ler, responde para mim: Você já esteve frustrado com algo?


O sentimento de frustração pode ocorrer de varias formas mas hoje gostaria de abordar com vocês alguns aspectos que reparei esses dias em nossas aulas de música.

Essa semana um aluno compartilhou comigo o sentimento de frustração que ele estava tendo com relação ao que ele esperava para a aula, onde ele queria estar, qual rápido isso deveria acontecer... e só para que fique claro, isso é normal, quando iniciamos um projeto, seja aprender música, dança, teatro, preparação para vestibular, novo emprego e etc., nós criamos expectativas com relação a prazos e aquisição de conhecimento. Enfim, após alguns minutos de conversa, acabei entendendo o que estava acontecendo e geralmente como os problemas são muito parecidos resolvi escrever aqui para vocês.

1 ponto: Comparação

O primeiro ponto que eu entendi em nossa conversa era que meu aluno estava vendo vídeos de outros músicos com mais tempo de estudo, mais velhos e com mais experiência (isso não é errado), essa pratica serve para motiva-lo a continuar estudando, entender até onde podemos chegar. Entretanto, ao assistir os vídeos o efeito estava sendo ao contrario e afetando ele negativamente. Ele ao se comparar com o outro começou a questionar seu processo de evolução.


Sendo assim o primeiro ponto que eu deixo para vocês é: Não se comparem... Eu sei que é mais fácil falar do que fazer. Tenha sempre em mente que pessoas passam por situações diferentes e isso que faz cada ser único. Você é único.


"Com relação a comparação é bom você gravar vídeos seus tocando e tornar isso uma pratica (se possível semana), depois de 3 meses tocando de uma olhada no seu vídeo anterior".


Essa sim é uma boa prática, pois dessa forma podemos verificar o que ocorreu nesse período para atingirmos ou não o que esperávamos.


2 ponto: Ansiedade

A ansiedade é normal do ser humano, contudo, precisamos controla-la.

Uma vez escutei uma frase que dizia: "melhor dar passos de formiga, do que ficar parado".

Tenha em mente que qualquer coisa que você faça vai te trazer resultado.

Caso você esteja em uma época da sua vida em que muitas atividades apareceram, projetos e não tem mais tanto tempo de tocar e estudar 14h por dia... Lembre-se pegar no instrumento por 10min vale mais do que não tocar nada.


3 ponto: Amizades

Nesse ultimo ponto gostaria de falar sobre amizades. Tenha boas amizades. Se você é músico tenha amizade com outros músicos, converse, compartilhe sentimentos e ideias. Você vai perceber o quão parecidos todos nós somos e que não estamos sofrendo sozinhos.



Obrigado a todos por estar comigo até aqui,

Até o próximo post.